Páginas

Revista Sort! Especial Lotofácil

Pesquisar este blog

Siga-nos e nunca mais perca uma postagem!

quinta-feira, 31 de julho de 2014

Livre-se dos camelos loucos

Amigos,

Vivemos um tempo extraordinário onde os valores sociais nos desafiam a imaginar o novo.

O mundo passa por grandes transformações, impérios renascem, impérios desabam e impérios despertam.

Nunca, em tempo algum, o Brasil chamou tanto a atenção internacional quanto agora. Nunca tivemos tantas perspectivas de assumir a liderança político-econômica mundial como em nossos dias. Isto é o resultado de uma semente plantada junto com a doma da inflação.

Não se iludam. A colheita sempre depende de uma semente, e a semente é costumeiramente menor do que a planta adulta.

No meio do caminho, oportunistas tentam dizer que plantaram a árvore. Mas quando ela era estaqueada, estes oportunistas só faziam arruaça.

Por conta dos falsários, nunca tivemos tantas provas de incompetência legislativa como nesta atualidade.

Neste abençoado país, pagamos as mais altas taxas de imposto do planeta... e a despeito disto, temos um dos mais desprezíveis sistemas de administração pública mundial.


Há portanto, a necessidade de imaginarmos meios de expurgar este veneno de nossa nação, lhe acondicionando na dignidade que merecemos ter para nós, nossos filhos, netos e bisnetos!

Recentemente, assistindo a um filme brasileiro, um ator representava um professor de história onde ele dizia que a população carcerária do Brasil dobra a cada 8 anos. Ele também afirmou que a população do Brasil dobra de tamanho a cada 50 anos. Nestes termos, ele traçou um gráfico em que há um impressionante dado:

Em 2081 (persistindo estas tendências) 90% da população brasileira estará encarcerada.

Claro que isto é uma abstração, mas nos mostra a gravidade inquietante da questão. A permissividade já ultrapassou o limite do tolerável!

A maioria do povo, a maioria de nós, não é composta de criminosos.

A maioria das pessoas não usa armas para ir ao trabalho ou atravessar a rua.

A maioria gosta de sentir protegida em um sociedade justa e com direitos iguais.

A maioria quer ganhar muito dinheiro, e assim fazendo, não se importa em doar uma parte considerável para construção de uma nação digna.

Em nossos tempos, devemos admitir que muitas conquistas foram feitas, à custa dos pedidos de liberdade pós ditadura. Muitas portas, todavia, foram de tal forma escancaradas, que pessoas de índole criminal foram perdoadas como se fossem meros meliantes políticos.

Então, com o poder manipulativo da mídia, traficantes de almas, traficantes de ideais comunistas, traficantes de entorpecentes e traficantes de corrupção ativa passaram a governar nossa nação.

Toda pessoa digna que tente governar, de imediato é cercada por marginais de terno e gravata, fato que impede a preponderância do que é louvável!

Sem poder agir, a população assiste, com inegável horror pelos que conhecem as razões, o crescente desvirtuamento dos nobres ideais.

Em toda colheita existe sempre uma semente. Então, podemos dizer que se estamos atrás de Ghana em termos de corrupção, é porque somos agricultores políticos muito relapsos.

Temos um sistema que trabalha com máquinas sofisticadas para contar votos e revelar, exatamente, com nome, idade, local de residência e escolha política do votante.

Isto se chama "voto eletrônico".

Este sistema faz apologia a um "controle total" do governo... nosso governo.

Mas o nosso governo, que precisa trabalhar para nós, os que contratam e pagam (caríssimo) pelo serviço, não serve aos nossos ideais. Ele é como um camelo ladrão, que depois de beber da água da cisterna, morde o dono e vai para o deserto levando embora todas as riquezas dos mercadores.




E para impedir isto, amigos, precisamos amarrar os camelos loucos, e em alguns casos, precisaremos trocar de camelo.


Quando plantamos idéias, elas são como sementinhas de plantas.

Uma boa idéia pode ser como uma frágil semente. se ela cai dentro do mar, pode morrer. Se cai na areia da praia, o mar leva embora, se cai na pedra quente, o sol a destrói... a idéia precisa cair no lugar certo.

E o melhor lugar para isto é em um canteiro protegido, um mudário.

Eu gostaria que você escrevesse sua idéia aqui. Escreva o que você acha que está errado no Brasil que você vê todos os dias... e junto com a crítica, escreva como você acredita que seria a solução. Escreva sem medo, escreva do seu jeito.

A gente ouve milhões de pessoas falando em problemas. A gente não ouve tantas propondo soluções.

As pessoas ruins se revestem de poderes e adquirem emissoras de rádio e tv e jornais. Elas continuam sendo as mesmas pessoas ruins. Verdadeiras ratazanas do poder, agora com um enorme, desculpe o termo, “merdafone” na boca. Então, se queremos derrubar isto, precisamos observar como elas agem.


Observe: 98% da mídia se dedica a falar de coisas ruins.

O objetivo disto É BANALIZAR o mal.

Se você assiste a TV aberta brasileira, acaba por acreditar em vampiros universais do reino do mal, em assassinos, estripadores, estupradores e em ausência de esperança... e sua CRENÇA é uma semente!

Este desconsolo alimenta o plantio de novos e mais temíveis criminosos para usurparem os mais dignos lugares da pátria.

É exatamente desta forma que ex assaltantes de banco assassinos conseguem se eleger, é exatamente desta forma que apologistas de drogas conseguem se eleger, é exatamente desta forma que ladrões e bandidos de toda laia se candidatam, e são eleitos.

Para mudar isto é preciso fazer como se faz na agricultura.

Primeiro a gente cria um mudário.
Depois seleciona as sementes.
Depois a gente revira a terra.
Quando as mudas estão no ponto, a gente as transplanta.
E finalmente, vem a colheita!

O mudário começa aqui.
Vamos! selecione o problema e escreva qual a semente capaz de solucioná-lo!

A seleção das idéias nos permite condensar idéias semelhantes no mesmo plano de semeadura. Isto será feito depois de obtermos as idéias!

Revirar a terra é criar uma série bem grande de abaixo assinados...todos integrados a um único objetivo.

Imagine por exemplo, uma pauta com 50 idéias geniais,. cada uma com 10 milhões de assinaturas exigindo que o congresso vote e aceite a vontade popular! Eu imagino que um combo de abaixo assinados pode ser espalhado pelo twitter e ser inclusive, internacionalizado. Há coisas que todos execramos, e creio que isto é unânime quando vemos um político ganhar salário milionário para simplesmente nos roubar. Então, pela expulsão das corjas de bandidos, sim, podemos nos unir e revirar a terra! A democracia permite estes atos!

Transplantar as mudas?

Este é um momento crítico! Se a virada da terra foi um sucesso, o congresso e o senado tem de votar! É lei! Eles são pagos para servir à vontade popular! Mas nada os obriga a concordar conosco. E é exatamente neste ponto que precisamos ser fortes. O transplante é o momento onde é preciso que todo o povo faça o que deve ser feito... se preciso, greve geral, até que eles saibam QUEM realmente manda neste país! Você, eu, cada um de nós, é o governo do Brasil! Assim, no momento de exigir o cumprimento de responsabilidades políticas, nós somos os patrões!

É preciso dizer que a fase do transplante exige um acompanhamento. É preciso regar as plantinhas. É preciso colocar espantalhos e telas para afastar as pragas.

Fazendo este ritual, teremos a colheita. E será a colheita do que a maioria quer. A maioria deve definir a forma como o governo vai trabalhar. A maioria deve definir quanto o governo poderá ganhar, e como deverá gastar.


O futuro do Brasil está em suas mãos...em minhas mãos, nas mãos de todos os que desejem colher o melhor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar. Aproveite para nos seguir no twitter clubloterias ! Comente a vontade e ajude a expandir as luzes do saber.

Canal Clube

Loading...