Páginas

Revista Sort! Especial Lotofácil

Pesquisar este blog

Siga-nos e nunca mais perca uma postagem!

sábado, 23 de agosto de 2014

O Código Secreto de Platão

Platão é, seguramente, o Einstein da Idade de Ouro da Grécia e a sua obra é o fundamento

da cultura ocidental e da ciência.




Apesar desta singularidade, Platão tem sido uma das figuras mais mal reconhecidas de

nossa civilização.




Agora, as descobertas do Dr. Jay Kennedy estão determinadas a revolucionar a história das 

origens do pensamento ocidental.







O Dr. Kennedy, cujos resultados estão publicados no líder editorial Apeiron (EUA), revela que Platão usou um padrão regular de símbolos, herdados dos antigos seguidores de Pitágoras, para dar aos seus livros uma estrutura musical. Um século antes, Pitágoras declarou que os planetas e estrelas criavam uma música inaudível, uma "harmonia das esferas". Platão imitou esta música de forma oculta em seus livros.



Os códigos ocultos nos mostram que Platão antecipou a Revolução Científica em 2000 anos antes de Isaac Newton, descobrindo a sua ideia mais importante - o Livro da Natureza, que está escrito na linguagem da matemática. As mensagens decodificadas também abrem-se de forma surpreendente para unir ciência e religião. A admiração e a beleza que sentimos na natureza, diz Platão, mostra que ela é divina; descobrir a ordem científica da natureza é o que nos aproxima mais intimamente de Deus. Isso poderia transformar as guerras culturais de hoje entre ciência e religião.



"Os livros de Platão desempenharam um importante papel na fundação da cultura ocidental, mas eles são misteriosos e terminam em enigmas," alega o Dr. Kennedy, na Faculdade de Ciências da Vida de Manchester.



"Na antiguidade, muitos dos seus seguidores disseram que os livros continham camadas ocultas de significado e códigos secretos, mas isso foi rejeitado por estudiosos modernos.



"É uma história longa e excitante, mas basicamente eu quebrei o código. Eu tenho mostrado rigorosamente que os livros contêm códigos e símbolos e que desvendar-los revela a filosofia oculta de Platão.



"Esta é uma descoberta pioneira, e não uma simples reinterpretação".



Isso vai transformar o início da história do pensamento ocidental e, especialmente, as histórias da antiga ciência, matemática, música e filosofia.



O Dr. Kennedy passou cinco anos estudando os escritos de Platão e descobriu que em sua obra mais conhecida, A República, ele colocou grupos de palavras relacionadas à música após cada duodécimo do texto - em um doze avos, dois duodécimos, etc. Este padrão regular representava as doze notas da escala musical grega. Algumas notas eram harmônicas, outras dissonantes. Nos locais das notas harmônicas, ele descreveu sons associados com o amor ou o riso, enquanto os locais de notas dissonantes foram marcados com sons ou gritos de guerra ou a morte. Este código musical foi a chave para quebrar todo o sistema simbólico de Platão.



Dr. Kennedy, um pesquisador no Centro para a História da Ciência, Tecnologia e Medicina, diz: "Quando lemos seus livros, nossas emoções seguem os altos e baixos de uma escala musical. Platão toca seus leitores como se utilizasse instrumentos musicais ".



No entanto, Platão não projetou seus padrões secretos apenas por prazer - era para sua própria segurança. As idéias de Platão eram uma ameaça perigosa para a religião grega. Ele afirmou que as leis matemáticas, e não os deuses controlavam o universo. Próprio professor de Platão foi executado por heresia. O segredo era normal em tempos antigos, especialmente para conhecimento esotérico e religioso, mas para Platão, era uma questão de vida ou morte. Codificar suas idéias em padrões secretos era a única maneira de se manter seguro.



Platão levou uma vida dramática e fascinante. Nascido quatro séculos antes de Cristo, quando Esparta havia derrotado a praga que devastara Atenas, ele escreveu 30 livros e fundou a primeira universidade do mundo, a chamada “Academia”. Ele era um feminista, permitindo que as mulheres estudassem na Academia, o primeiro grande defensor do amor romântico (em oposição a casamentos arranjados por razões políticas ou financeiras) e defendeu a homossexualidade em seus livros. Além disso, ele foi capturado por piratas e vendido como escravo, antes de ser resgatado por amigos.



Kennedy explica: "A importância de Platão não pode ser diminuída. Ele mudou a humanidade de uma sociedade guerreira para uma sociedade da sabedoria. Hoje, os nossos heróis são Einstein e Shakespeare - e não cavaleiros de armadura brilhante -. Por causa dele".



Ao longo dos anos o Dr. Kennedy cuidadosamente garimpou camada após camada dos simbolismos, compartilhando cada etapa palestras em Manchester e com especialistas no Reino Unido e EUA.



Ele lembra: "Não houve uma Pedra de Rosetta. Para anunciar um resultado como este eu precisava de provas rigorosas, independentes, baseadas em evidências cristalinas”.



"O resultado foi incrível - foi como abrir um túmulo e encontrar um novo conjunto de evangelhos escritos pelo próprio Jesus Cristo”.



"Platão está sorrindo. Ele nos enviou uma cápsula do tempo ".



As descobertas do Dr. Kennedy não são apenas surpreendentes, mas importantes: elas derrubam a sabedoria convencional a respeito de Platão. Os historiadores modernos sempre negaram que havia códigos, agora o Dr. Kennedy provou o contrário.





Kennedy acrescenta: "Este é o começo de algo muito grande. Vai demorar uma geração para que sejam trabalhadas todas as implicações. Todas as 2.000 páginas contêm símbolos detectados".





Confira as dicas quentes para a Mega Sena 1631:




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar. Aproveite para nos seguir no twitter clubloterias ! Comente a vontade e ajude a expandir as luzes do saber.

Canal Clube

Loading...